Voltar para página anterior
Página Inicial
Imprimir esta página
 

22/05/2017 | ASCOM | Direção: Mateus Maia | Texto: Luís Carlos Gusmão | Fotos: Fábio Marçal | Webdesigner: Edson Gouveia

Serestas marcam as comemorações dos 38 anos do Centro Cultural Hermes de Paula

Montes Claros - Encontro de Serestas Praça da Matriz 19 05 17 Foto Fábio Marçal 02  Montes Claros - Encontro de Serestas Praça da Matriz 19 05 17 Foto Fábio Marçal 03  Montes Claros - Encontro de Serestas Praça da Matriz 19 05 17 Foto Fábio Marçal 08  Montes Claros - Encontro de Serestas Praça da Matriz 19 05 17 Foto Fábio Marçal 09  Montes Claros - Encontro de Serestas Praça da Matriz 19 05 17 Foto Fábio Marçal 12  Montes Claros - Encontro de Serestas Praça da Matriz 19 05 17 Foto Fábio Marçal 16  Montes Claros - Encontro de Serestas Praça da Matriz 19 05 17 Foto Fábio Marçal 19  Montes Claros - Encontro de Serestas Praça da Matriz 19 05 17 Foto Fábio Marçal 22  Montes Claros - Encontro de Serestas Praça da Matriz 19 05 17 Foto Fábio Marçal 23  Montes Claros - Encontro de Serestas Praça da Matriz 19 05 17 Foto Fábio Marçal 24  Montes Claros - Encontro de Serestas Praça da Matriz 19 05 17 Foto Fábio Marçal 25  Montes Claros - Encontro de Serestas Praça da Matriz 19 05 17 Foto Fábio Marçal 27

 

A Prefeitura de Montes Claros, através da secretaria municipal de Cultura, em parceria com a Associação dos Seresteiros de Montes Claros e Amigos da Arte – ASAMA, resgatou uma tradição secular dos montes-clarenses.

Não havia lua no céu da última sexta-feira, dia 19 de maio, mas, ainda assim a noite estava linda. Um encontro de seresteiros para celebrar o amor, o lirismo. Famílias e casais de volta à Praça Doutor João Chaves, para comemorar o Dia Municipal da Seresta e também aniversário de seu mais ilustre representante, o escritor e compositor autor do hino amoroso de nossa cidade, a seresta nacionalmente conhecida: Amo-te-muito.

"Trabalhamos para que as modinhas voltem a fazer parte da vida de todos e, seus poetas e autores, sejam devidamente reconhecidos. Estivemos juntos nesta noite em que, em nossa amada Montes Claros, se faz seresteira", destaca Eduardo Chaves, presidente da Associação dos Seresteiros de Montes Claros - ASAMA.

As músicas de serestas foram feitas para serem cantadas em noites enluaradas, falando de amor ou de tristeza, mostrando a pureza de tempos que não voltam mais. Foram inúmeros os precursores poetas, músicos e cantores, amantes da boa música que encheram de sons as madrugadas montes-clarense: João Chaves, Hermenegildo Chaves, Nivaldo Maciel, Luís Procópio, Gilberto Câmara, Sinval Fróes, Sebastião Mendes (Sr. Ducho), Celestino Soares (Telé), João Vale Maurício, Virgílio de Paula, Josefina de Paula e Raymundo Chaves.

Quatro grupos remanescentes de seresta se apresentaram no palco e o público, saudoso, confirmava que apesar de Diamantina possuir o cenário, nós, montes-clarenses, é quem temos a vocação.

Sobre os grupos:

Grupo João Chaves

O poeta e compositor João Chaves empresta, primeiramente, seu nome para o mais antigo e atuante grupo de serestas do norte de Minas. O Grupo de Serestas “João Chaves” teve sua primeira formação em 1967, quando Dr. Hermes de Paula, encantado pela história e a música em Montes Claros, aceitou o convite para um concurso de serestas em Ouro Preto. Dr. Hermes reuniu músicos, cantores e amantes da bela arte para a formação inicial do conjunto. Foram e venceram o concurso entre 14 concorrentes considerados de alto gabarito, e daí em diante se tornaram patrimônio cultural, levando o nome de nossa cidade Brasil afora e até no exterior.
Atualmente, este grupo tem nova formação, mas carrega o nome de grandes seresteiros montes-clarenses na sua trajetória.

Grupo Cordas e Vocais

Grupo de Seresta Cordas e Vocais, foi fundado em Agosto de 2003 pelo professor de violão José Lopes Godinho. Surgiu a partir de um trabalho em sala de aula no Conservatório Estadual de Música Lorenzo Fernandez. Desde a sua fundação o grupo tem tido uma preocupação permanente com o social e para tanto, tem se apresentado em diversos bairros da cidade de Montes Claros, sempre levando um repertório composto de canções da MPB, canções clássicas da seresta brasileira, canções inéditas compostas por membros do próprio grupo e também músicas do nosso repertório folclórico. O Grupo Seresta Cordas Vocais é composto de alunos, professores, funcionários e ex-alunos do Conservatório Estadual de Música Lorenzo Fernandez.

Amo-te-muito

Fundado em 1978, o grupo de serestas “Amo Te Muito”, também preserva o nome do grande seresteiro João Chaves por ter em seu título a sua mais famosa composição, cantada em todas as partes do Brasil e, segundo muitos apaixonados considerada um hino de Montes Claros.
Com a criação do grupo, a fundadora do grupo Lola Chaves se dispôs a receber artistas da terra que ainda não participavam de outros conjuntos. O resultado desta iniciativa é o que hoje vemos com a harmonia e o talento de seus componentes.

Namorados da Lua

Criado em 22 de Maio de 1988 pelo casal Josecé e Leonôra, o grupo Namorados da Lua tem como objetivo resgatar a música regional do sertão norte mineiro. Chegou fugindo do estilo tradicional, inovando e dando uma roupagem moderna, valorizando inclusive os compositores da terra.Ao longo de seus vinte e nove anos o grupo participou e tem participado ativamente de vários eventos culturais tais como: Projeto Seresta Itinerante (parceria do SESC, Secretaria de Cultura e Associação dos Artistas do Norte de Minas), apresentações em clubes sociais, escolas, universidades, festas municipais, festas religiosas, entre outros.

 

Mais Notícias » »

 

_________________________________________________________________________________________
     Av. Cula Mangabeira, 211 - Centro - CEP: 39.401-002   |   (38)3229-3000   |  Montes Claros - MG-Brasil
     © Copyright 2013/2017 www.montesclaros.mg.gov.br
 
   Design | ASCOM-PMMC - 2017