Prefeitura de Montes Claros
 
________________________________________________________________________________________________

Prefeitura intensifica combate ao Aedes aegypti

Voltar para página anterior
Página Inicial
Imprimir esta página
 

30/01/2018 | ASCOM | Direção: Mateus Maia | Texto: Ascom | Fotos: Fábio Marçal | Webdesigner: Edson Gouveia


Montes Claros Combate à Dengue -Bairro  Jardim Panorama 30 01 18 Foto Fábio Marçal   Montes Claros Combate à Dengue -Bairro  Jardim Panorama 30 01 18 Foto Fábio Marçal 08  Montes Claros Combate à Dengue -Bairro  Jardim Panorama 30 01 18 Foto Fábio Marçal 11  Montes Claros Combate à Dengue -Bairro  Jardim Panorama 30 01 18 Foto Fábio Marçal 13
Montes Claros Combate à Dengue -Bairro  Jardim Panorama 30 01 18 Foto Fábio Marçal 16  Montes Claros Combate à Dengue -Bairro  Jardim Panorama 30 01 18 Foto Fábio Marçal 17  Montes Claros Joaquim Neves  Combate à Dengue -Bairro  Jardim Panorama 30 01 18 Foto Fábio Marçal

 

A Prefeitura de Montes Claros intensificou o combate ao mosquito Aedes aegypti em diversas regiões de Montes Claros. A maior preocupação é com relação ao índice revelado pelo Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa), que apontou um índice de 8% na cidade, tendo como principal causa o acúmulo de água nas casas em função do racionamento de água.

Por isso, nesta terça-feira, 30, foi iniciado um trabalho nos 18 bairros que apresentaram os maiores índices de infestação pelo mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya. Os trabalhos começaram pelo bairro Jardim Panorama, onde técnicos do Centro de Controle de Zoonoses visitaram casas e alertaram os moradores para a importância do combate aos focos do mosquito.

Uma das casas visitadas na manhã desta terça foi a do seu Joaquim Neves, na rua Joaquina da Glória. No local não foi encontrado nenhum foco do Aedes. O proprietário da casa explicou que faz vistorias constantes para impedir o acúmulo da água. Ele explicou ainda que o bairro, por ser mais alto, sofre muito com o racionamento, o que tem feito com que os moradores acumulem muita água.

“Eu separo a água de forma correta, mas nem todos mantêm os seus reservatórios com tampa. Acho que é hora de todos se abraçarem para evitar que as doenças transmitidas pelo mosquito ganhem força”, disse.

É importante destacar que de nada vale a atuação do poder público se não houver o trabalho dos moradores dentro das próprias casas. Os moradores que souberem de focos do mosquito em casas abandonadas ou lotes vagos podem ligar no disque dengue do Centro de Controle de Zoonoses pelo 2211-4403.

 

Mais Notícias » »

 

Notícias seta 2017 | 2016 | 2015 | 2014 | 2013

 

 

________________________________________________________________________________________________
     Av. Cula Mangabeira, 211 - Centro - CEP: 39.401-002   |   (38)2211-3000   |  Montes Claros - MG-Brasil
     © Copyright 2013/2017 www.montesclaros.mg.gov.br
 
   Design | ASCOM-PMMC - 2017